quinta-feira, 17 de maio de 2018

Exposição | No Fundo Portugal é Mar

A exposição No Fundo Portugal é Mar é um convite ao mar lançado aos públicos de todas as infâncias, que agrega três propostas artísticas que nos fazem gerar entusiasmo, curiosidade, cultura marítima de agora e do futuro, e um novo empenho ativo e emotivo sobre o mar maior que irá ser.
A exposição encontra-se aberta até dia 31 de julho de 2018.


TerraMar 10:00 às 13:00 e 14:30 às 18:00
Propõe fazer-nos imergir e viver abaixo da linha de água durante o tempo em que é percorrida por quem a visita.
Encontramos na sala maior três paredes que representam o fundo do mar, onde vemos cardumes de peixes com cores irradiantes.
Na sala mais pequena encontramos quadros emoldurados com videopinturas em movimento de instantes visualmente poéticos que acontecem longe do nosso olhar mas que nos pertencem por inteiro.


As Portas do Mar 8:00 às 20:00
Encontramos no Jardim das Oliveiras quatro esculturas sonorizadas inspiradas nos faróis de Portugal que nos trazem o universo sonoro do mar, dos portos e das praias.


Balaena plasticus 8:00 às 20:00
O plástico, com ajuda do vento e das correntes, faz grandes migrações pelos rios, mares e oceanos.
O esqueleto da baleia de barbas, com cerca de 10 metros de comprimento, construída com objetos de plástico encontrado na praia, representa a trágica consequência do "plástico marinho".






Marcação de visitas guiadas através do número de telefone 213 612 899 ou pelo email fabricadasartes@ccb.pt.



Galeria

TerraMar | instalação | 10:00 às 13:00 e 14:30 às 18:00
















As Portas do Mar | instalação | 8:00 às 20:00
Balaena plasticus | instalação | 8:00 às 20:00




















O Ciclo No Fundo Portugal é Mar resulta de uma Parceria entre a Estrutura de Missão para a Extensão da Plataforma Continental (EMEPC) e o Centro Cultural de Belém (CCB – Fábrica das Artes).

Sem comentários:

Enviar um comentário